Portal Portal Padrão Barra de Identidade Visual do Governo Federal na Internet - APLICAÇÃO do Governo Brasileiro
Página Principal » Graduação » Letras – Português/Inglês

Letras – Português/Inglês

O CURSO DE LETRAS

HISTÓRICO DO CURSO

O Curso de Letras do Instituto Federal do Paraná – IFPR – Câmpus Palmas deu continuidade ao trabalho que vinha sendo realizado pelo Centro Universitário Diocesano do Sudoeste do Paraná – UNICS, a fim de garantir a terminalidade às turmas oriundas desta instituição, para só então ofertar novas estruturas curriculares para as turmas iniciantes no IFPR. Sendo assim, o histórico do curso de Letras desta instituição é extenso e muito significativo para a formação de professores de Letras no Sudoeste do Paraná.
O Curso de Letras do UNICS iniciou suas atividades com a autorização da antiga Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Palmas – FAFI, pelo Decreto Federal nº. 63.583/68, ministrando a habilitação de Português/Francês e respectivas Literaturas, reconhecida pelo Decreto Federal nº. 72.452/73, de 11/07/1973, publicado no D.O.U. de 12/07/1973.
Pelo Decreto Federal nº. 74.352, de 01/08/1974, publicado no D.O.U. de 02/08/1974, foi autorizada a habilitação de Português/Inglês e respectivas Literaturas, cujo reconhecimento ocorreu pelo Decreto nº. 83.211/79, de 28/02/1979, publicado no D.O.U. de 01/03/1979.
Em 1979, foi autorizada pelo Decreto nº. 83.472, de 21/05/1979, publicado no D.O.U. de 22/05/1979, a habilitação de Português e Literaturas da Língua Portuguesa, que foi reconhecida pela Portaria nº. 249/8, de 06/07/1982, publicada no D.O.U. de 08/07/1982.
Em 1998, o curso de Letras agregou a habilitação de Português/Espanhol e respectivas Literaturas, autorizada pela Portaria nº. 374, de 08/05/1998, publicada no D.O.U. Nº 87-E, de 11/05/1998 e reconhecida pela Portaria nº. 1.282, de 17/05/2004, publicada no D.O.U. nº. 94, de 18/05/2004.
A fim de atender à legislação vigente, desde a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDB, Lei nº 9394/96, de 20/12/1996; Resolução CNE/CP nº. 1, de 18/02/2002 e os pareceres do CNE/CP nº. 9/2001 e nº. 27/2001, respectivamente de 8/5/2001 e 2/10/2001, os quais instituem as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de Professores da Educação Básica, em nível superior, curso de licenciatura, de graduação plena; à Resolução nº 02/2002 – CNE/CP, de 19/2/2002, que institui a duração e a carga horária dos cursos de licenciatura, de graduação plena, de formação de professores da Educação Básica em nível superior; à Resolução nº. 09/2002 – CNE/CES, de 11/3/2002, que estabelece as Diretrizes Curriculares para os cursos de Bacharelado e Licenciatura em Física; e no Parecer nº. 492/2001 – CNE/CES, que estabelecem as Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de Licenciatura em Letras, iniciou-se um estudo para a reestruturação do Curso de Letras.
A partir de 2004 entrou em vigor a nova matriz curricular para os Cursos de Letras Português/Inglês, Letras Português/Espanhol e Letras Português, publicada no D.O.U. nº. 210, fls. 104, em 29 de outubro de 2003. O Projeto Pedagógico do Curso de Letras do UNICS foi, então, reformulado. A carga horária dos Cursos com habilitação em Línguas Estrangeiras seria cumprida em 07(sete) semestres. A carga horária do Curso de Letras Português passou a ser integralizada em um mínimo de 06(seis) semestres. Em 2004, o UNICS optou por ofertar somente Letras Inglês e Letras Espanhol. Em 2007 ofertou apenas Letras Inglês.
Em 2008, de acordo com a reestruturação curricular da instituição, foi reformulada a matriz curricular do curso de Letras Português/Inglês e respectivas Literaturas. Em 2009, não havendo demanda suficiente, a nova grade curricular não foi implantada.
Em 2010, com a federalização da instituição, o Centro Universitário Católico do Sudoeste do Paraná deixou de existir e o Instituto Federal do Paraná assumiu seus alunos, pelo processo de transferência. Em 2011, não houve ingressantes, procedeu-se a reestruturação do curso de Letras, que resultou em uma nova proposta de matriz curricular, elaboração de um novo projeto pedagógico, para a oferta de uma nova turma de acadêmicos ingressantes em 2012, com 40 vagas noturnas (estágios diurnos), licenciatura plena em Letras, com duas habilitações: Português e Inglês e suas respectivas Literaturas.

« « Farmácia   Pedagogia » »